Latência e largura de banda são duas características que podem ser medidas no tráfego de comunicação entre dispositivos ligados em redes computacionais como a Internet.

Um dos conceitos mais mal compreendidos em rede é velocidade e capacidade. Muitas pessoas acreditam que velocidade e capacidade são a mesma coisa. Quando você ouve alguém dizer “Minha velocidade de Internet é 300 Mbps” ou algo semelhante, o que eles estão realmente se referindo é a capacidade de largura de banda do serviço de Internet, não a velocidade. A velocidade de uma rede é, na verdade, o resultado da largura de banda e da latência.

Com certeza você já teve alguma experiência com uma conexão lenta com a Internet, por exemplo, quando seus filhos estão jogando ou assistindo Netflix, DisneyPlus, Amazon Prime em outra sala, ou mesmo no Skpe, Team, Zoom, Google Meeting assistindo à aulas remotas. Isto acontece por quê você só pode inserir uma determinada quantidade de dados (capacidade) na via de comunicação (pipe ou tubo).

Esta via é como uma estrada, onde os veículos são os dados, quanto mais congestionado estiver, mais lento será o tráfego. O mesmo acontece com o seu canal de dados, quanto mais congestionado, maior será o atraso ao navegar na Internet.

O que é largura de banda?

A largura de banda se refere à largura do canal de dados – capacidade, não à velocidade com que os dados são transferidos. A taxa de transferência é medida em latência. E latência significa “atraso”. Portanto, velocidade e largura de banda funcionam juntas.

Trabalhadores em um conjunto de dutos de passagem, mostrando diferenças de largura dos dutos
Dutos de diferentes larguras têm capacidade maior ou menor

Quanto mais largo for o tubo ou duto de passagem de dados, menos tempo demora você carregar páginas da web e transferir arquivos. Este é motivo pelo qual quando muitos dispositivos estão usando sua internet ela começa a ficar lenta, principalmente se o volume de dados (streamings de vídeo por exemplo) sendo trafegado é muito alto.

O que é latência?

Latência é a quantidade de tempo que um pacote de dados leva para viajar do ponto A ao ponto B. Juntas, a largura de banda e a latência definem a velocidade e a capacidade de uma rede. A latência é geralmente expressa em milissegundos e pode ser medida usando um comando ping do seu computador.

Quando você executa um comando ping, um pequeno pacote de dados (geralmente 32 bytes) é enviado para outra máquina, em que o tempo de ida e volta é medido em milissegundos. O comando ping mede quanto tempo leva para o pacote de dados deixar o computador de origem, viajar para o computador de destino e retornar ao computador de origem.

Faça o teste, abra o terminal do seu computador e digite o comando a seguir:

ping www.mazer.dev

O resultado deve ser similar à imagem a seguir, onde o tempo de retorno é a latência:

Exemplo de uso do comando PING

A largura de banda é expressa em bits por segundo. Refere-se à quantidade de dados que podem ser transferidos durante um segundo. Obviamente, quanto mais largo o tubo, mais bits podem ser transferidos por segundo. E se sua largura de banda estiver congestionada, sua latência (atraso) aumenta.

Pense nisso como uma rodovia lotada. Quanto mais veículos houver na rodovia, mais congestionado ficará o tráfego. Como resultado, todos são forçados a dirigir mais devagar.

Streaming vs. Downloading

Streaming e download são essencialmente a mesma coisa no que diz respeito à largura de banda. A única diferença entre streaming e download é esta:

Fazendo o download, você não pode assistir a um vídeo antes de terminar o download de seu arquivo.

O streaming, pelo contrário, enquanto está baixando o arquivo, permite a você assisti-lo.

O Youtube, Vimeo, Twich, são serviços que usam streaming. Enquanto assiste ao vídeo, você ainda pode ver a barra de progresso se movendo no player de vídeo. Mas assim que a barra de progresso se enche, o vídeo é totalmente baixado e você pode pular para frente ou para trás para ver qualquer lugar no vídeo.

Este artigo explicou de maneira simplificada largura de banda e latência de rede, se precisar de mais informações a respeito, comenta aqui, no vídeo do canal ou em meu perfil do Twitter.

Mantenha-se atualizado

Não esqueça de me seguir no Twitter e assinar o Canal Mazer.dev no Youtube para receber atualizações de novos artigos, vídeo aulas e cursos gratuitos em programação e engenharia de software.

1 comentário em “O que é Latência e Largura de Banda”

  1. Pingback: Porque aprender bash / shell em linha de comando - MAZER.DEV

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *